Número total de visualizações de página

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

António Costa institucionaliza a pobreza

Foram colocados na zona de Arroios pela câmara de Lisboa, numa experiência piloto, 12 cacifos para os sem Abrigo guardarem os seus pertences. Esta ideia que quem olha à primeira vista até pode parecer de uma verdadeira preocupação, quando vista mais de perto é algo incomentável. Trata-se de fornecer aos sem-abrigo um sítio para guardar as coisas para que consigam continuar na RUA. Esta é a verdadeira política do António Costa e do Partido "Socialista". Uma política de instucionalizar a pobreza, de caridadezinha, mas nunca de resolver os problemas dos vários milhares (posso arriscar milhares) que se vêm cada vez mais pelas ruas de Lisboa à medida que o rolo compressor da austeridade avança. António Costa com esta e outras medidas posiciona-se ao lado de Passos Coelho na gestão da austeridade e no apoio à continuação na pobreza do povo.

Fica por fim aqui uma música dedicada ao António Costa:



2 comentários:

  1. Estava muito bem, se a iniciativa fosse da CML - mas não é, é duma associação de voluntários que dão apoio aos sem abrigo. Não têm casas para distribuir, podem apenas fazer pequenas coisas para melhorar um bocadinho de nada a vida quotidiana destas pessoas.

    Exigir mais, sim, mas às pessoas certas (no caso, governo e CML), e sem criticar por criticar quem tenta fazer alguma coisinha entretanto...

    Inês Meneses

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi em colaboração com a CML ou não? Se foi ( e foi!) é uma iniciativa com o Apoio da CML. Agora qto a isto ser "fazer alguma coisinha" é engraçado. Dar cacifos para guardar coisa em vez de dar condiçoes para viver é o que está a ser feito, condições para sobreiviver e não para viver.

      Eliminar